Curtir!

terça-feira, 26 de agosto de 2008

MAU EXEMPLO (PARTE 2)

MG: candidato é preso com CNH falsificada

O candidato Luciano Pinheiro Pedrosa (PHS), que disputa uma vaga na Câmara de Vereadores de Sarzedo, região metropolitana de Belo Horizonte, foi preso depois de apresentar uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) falsa numa blitz.

A CNH que ele portava tinha o número de registro de Luciano Pinheiro de Oliveira. De acordo com a Polícia Militar, Pedrosa confessou não ter carteira de habilitação e também não disse como conseguiu o documento.

O candidato foi preso e levado para a delegacia de Sarzedo. A carteira falsificada e o carro que ele dirigia foram apreendidos.

Segundo o soldado Borusse, do 48º Batalhão, Pedrosa, 31 anos, foi parado durante uma operação de rotina na rodovia MG-040, próximo à cidade de Ibirité.

***

E ainda queria ser vereador... Vale lembrar que uma das prerrogativas das Assembléias Municpais é fiscalizar o executivo local. E tenho dito...

Nenhum comentário:

Postar um comentário